Ovodoação. Como funciona?

Dr. Flávio Garcia de Oliveira


No Brasil, esse procedimento não possui fins comerciais ou lucrativos, a doadora é anônima, a aparência da doadora e da receptora deve ser semelhante e o tipo sanguíneo deve ser compatível. Ainda, deve-se evitar que uma doadora produza duas gestações de sexos diferentes em uma área de até 1 milhão de habitantes.

Perfil paciente doadora:

ovodoação como funciona

A paciente doadora irá utilizar medicações com o objetivo de estimular o crescimento dos óvulos. Esse processo é acompanhado pela ultrassonografia transvaginal. Quando os óvulos atingem um tamanho adequado a aspiração será realizada (em média 18mm de diâmetro). O procedimento de aspiração deve ser realizado em clínica apropriada, a paciente será submetida a uma sedação e a coleta é feita com uma agulha fina via vaginal. O material aspirado na agulha é analisado pelo embriologista a fim de verificar a existência e a quantidade de óvulos. Estes óvulos serão fertilizados em laboratório com os espermatozóides do parceiro da receptora e, de maneira geral, originarão embriões. A paciente receptora fará um preparo da camada interna do útero para receber o embrião, este preparo é realizado com estrogênio e progesterona e deve ser acompanhado pela ultrassonografia, garantindo assim, condições ideais para a nidação (fixação do embrião no útero). Após a doação de óvulos, as pacientes doadoras poderão engravidar normalmente nos próximos ciclos menstruais. Isso porque, durante cada ciclo menstrual, apenas uma parte dos óvulos é recrutada para resultar em ovulação, mesmo nos ciclos em que a paciente utiliza medicação para induzir a ovulação, captando assim, os óvulos que iriam ser descartados naquele ciclo.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Você pode se interessar:

Dores Perna Endometriose

Dor nas pernas relacionada à endometriose

A dor nas pernas pode variar em sua localização e intensidade. Algumas pacientes podem relatar que a dor é crônica e persistente ou causa uma dor generalizada, enquanto outras podem ter uma dor aguda e penetrante que pode ser localizada em um ponto específico. 

Vacina Covid19 fertilidade gravidez

Vacina Covid19 fertilidade gravidez

Vacina Covid-19 fertilidade gravidez – Uma recomendação universal para a vacinação COVID-19 em mulheres em tratamento de fertilização in vitro ou que estão grávidas não

FIV gravidez vacina Covid-19

FIV gravidez vacina Covid-19

FIV gravidez vacina Covid-19 – Uma Visão a favor da vacinação – Mulheres em tratamento de fertilização in vitro ou que estão no primeiro trimestre

preservar-a-fertilidade

Preservar a fertilidade

Preservar a fertilidade de forma eletiva para o declínio de fertilidade relacionado à idade é uma evolução e uma realidade Preservar a fertilidade de forma

endometriose e congelamento de óvulos

Endometriose e congelamento de óvulos

Endometriose e congelamento de óvulos – vitrificação de oócitos e preservação da fertilidade por razões médicas diferentes do câncer Endometriose e congelamento de óvulos –