Confirmação da Gravidez

Confirmação da Gravidez: Como lidar com a espera da confirmação da gravidez?

Quando se está tentando realizar o sonho de ser mãe, é normal ficar apreensiva e ansiosa para ter a confirmação da gravidez. Pensando nisso, elaboramos esse conteúdo sobre o assunto com algumas dicas importantes para as mulheres que passam por essa situação. Confira!

Antes de mais nada, vamos pedir que você respire fundo conosco se estiver atualmente em uma espera de duas semanas, porque sabemos o quão estressante isso pode ser.

Durante esse tempo de espera podemos nos encontrar obcecadas com os sintomas, pesquisando na internet, sentindo-nos entorpecidas. Portanto, estamos aqui para ajudá-la a sentir-se o mais informada, calma e relaxada possível durante todo o processo.

Abaixo, estamos falando sobre esperar para fazer seu primeiro teste de gravidez, o que acontece em seu corpo nas duas semanas seguintes à ovulação se você estiver grávida e como você pode gerenciar as sensações da espera. Aqui estão seus maiores aprendizados:

  • A espera de duas semanas é o período de tempo entre a ovulação e o ponto em que um teste de gravidez caseiro pode detectar a gravidez com a maior precisão.
  • Os testes de gravidez precoce permitem que você comece a testar seis dias antes do atraso menstrual (cerca de oito dias após a ovulação), mas os resultados se tornarão mais precisos quanto mais próximo você estiver do primeiro dia do atraso menstrual.
  • Durante a espera de duas semanas, se você conceber, pode haver sinais precoces de gravidez. Mas como esses sintomas se sobrepõem aos associados ao início de outro período, sua melhor aposta para entender se você está ou não grávida é um teste de gravidez.
  • Lembre-se de ser gentil consigo mesma durante essas duas semanas. Verifique como você está se sentindo, dê a si mesma o que precisa e conecte-se a um sistema de suporte sólido.

Agora, vamos pular para o que você precisa saber e como você pode cuidar de si mesma durante sua espera de duas semanas.

O que são as duas semanas de espera?

A espera de duas semanas é o período de tempo entre a ovulação e o ponto em que um teste de gravidez caseiro pode detectar a gravidez com a maior precisão. Para algumas mulheres, o final desse período de duas semanas chega exatamente na época em que elas esperariam ter (ou perder) a próxima menstruação – mas como nem todas temos um ciclo de 28 dias de “livro didático”, não será exatamente duas semanas para todas.

Por que você tem que esperar duas semanas após a ovulação para obter os resultados mais precisos do teste de gravidez? Esse período de duas semanas permite que aconteça o seguinte:

  • Durante a ovulação, um óvulo é liberado pelos ovários e começa sua jornada pelas trompas de Falópio. Se o esperma estiver presente no trato reprodutivo na época da ovulação, ele pode fertilizar o óvulo liberado para formar um embrião.
  • O embrião então viaja das trompas de Falópio para o útero, onde se liga à parede uterina (também conhecida como endométrio) cerca de 1-2 semanas após a fertilização. Essa etapa recebe o nome de implantação ou nidação.
  • Dentro de um dia de implantação, uma estrutura chamada córion (que se forma ao redor do embrião) começa a produzir gonadotrofina coriônica humana (hCG) para suportar a gravidez em crescimento. Testes de gravidez caseiros detectam hCG na urina para confirmar a gravidez.
  • No início da gravidez, os níveis de hCG aumentam cerca de 50% todos os dias – o que significa que quanto mais perto você estiver do atraso menstrual, maior a probabilidade de um teste de gravidez caseiro detectar hCG na urina.

Quais são alguns possíveis sinais ou sintomas de gravidez que podem surgir antes das duas semanas de espera?

Aqui é onde fica complicado. Embora existam alguns sintomas de gravidez que podem aparecer antes de você estar com a menstruação atrasada, muitos deles se sobrepõem aos sintomas da síndrome pré-menstrual (TPM) – e, para algumas pessoas, observar esses sintomas (às vezes chamados de “localização de sintomas”) pode aumentar o estresse da espera de duas semanas. 

Sinta-se sempre à vontade para verificar como está seu corpo e como está se sentindo, mas lembre-se de que um teste de gravidez positivo seguido de confirmação médica é o único sinal que confirma uma gravidez.

Aqui estão alguns dos primeiros sinais de gravidez:

  • Idas frequentes ao banheiro: durante a gravidez, o suprimento de sangue do seu corpo aumenta. Isso significa mais sangue para o rim filtrar, o que significa que você fará xixi com mais frequência.
  • Fadiga: o primeiro trimestre resulta em fadiga para muitas grávidas devido aos altos níveis do hormônio progesterona.
  • Seios/peito doloridos e aumentados: esse sintoma tende a desaparecer à medida que o corpo se acostuma com as alterações hormonais que ocorrem durante a gravidez, mas é um sintoma comum no início do período gestacional. Você também pode notar que seus mamilos ficam mais escuros e aumentados.
  • Sangramento de implantação: o sangramento de implantação é definido como uma pequena quantidade de manchas que ocorre 10-14 dias após a fertilização e por acaso corresponde ao primeiro dia do período menstrual perdido. Entretanto, o sangramento de implantação é um diagnóstico de exclusão e não um sinal necessário de gravidez precoce. Esse sangramento é avaliado para descartar complicações como gravidez ectópica ou aborto espontâneo.

Lembrete amigável aqui de que experimentar esses sintomas não indica necessariamente uma gravidez. Um teste de gravidez positivo seguido de confirmação médica é a única coisa que confirma a gestação.

O que você pode fazer para cuidar de si mesmo durante a espera de duas semanas?

Para muitas pessoas, a espera de duas semanas traz muita ansiedade – por isso é especialmente importante manter o controle de sua saúde mental durante esse período. Enquanto você espera pelo resultado do teste de gravidez, algumas atitudes podem te ajudar a encarar esse momento com mais leveza.

Pratique a consciência do que está sentindo e tente ficar em paz consigo mesma.

Você pode literalmente se perguntar: ‘por que estou verificando os sintomas?’ e ver a resposta que surge. Há uma variedade de respostas que podem surgir e te ajudar a descobrir o que você está realmente sentindo: medo, raiva, insegurança, etc.

Depois de identificar o que você está sentindo, é hora de tentar a quietude. Respire fundo algumas vezes se isso te ajudar a se concentrar e preste atenção ao comportamento que está te impedindo de sentir-se calma e relaxada.

Mova seu corpo através de suas emoções.

O que recomendamos são algumas práticas que podem ajudá-la a entender um pouco melhor o que está sentindo e tomar medidas para lidar com quaisquer emoções negativas. Todavia, o objetivo é aprender a lidar com essas emoções ao invés de evitá-las.

Sentir medo ou dor emocional nos deixa vulneráveis e nossos cérebros tentam evitar essas emoções a todo custo, o que pode levar a mulher a tentar se sentir melhor distraindo-se, suprimindo emoções ou tentando controlá-las. Infelizmente, nenhuma dessas táticas realmente funciona – em vez disso, precisamos permitir que emoções difíceis literalmente se movam por nossos corpos.

Aqui estão algumas sugestões de práticas que podem te auxiliar a passar por essas emoções:

  • Dançar;
  • Caminhar;
  • Ioga;
  • Passar algum tempo com pessoas queridas;
  • Rir;
  • Atividades criativas;
  • Chorar ou gritar.

Os resultados dessas atividades variam de pessoa para pessoa, então tente experimentar diferentes maneiras de se mover através de suas emoções para que você possa encontrar o caminho certo para você.

Você sempre pode contar com a nossa equipe para tirar suas dúvidas. Entre em contato com a gente sempre que precisar.

Você pode se interessar:

Tratamentos que oferecemos

Você enfrenta dificuldades para engravidar, algum problema ginecológico ou precisa de acompanhamento obstétrico? Nós estamos aqui para te ajudar! Conheça mais sobre os tratamentos oferecidos

Leia Mais »

Compartilhe:

WhatsApp
Email
Facebook
LinkedIn
Twitter